Weihnachtsmarkt

15 motivos para amar o Natal na Alemanha

Natal na Alemanha é realmente uma época mágica! É claro que existem mil motivos para isso, mas selecionamos apenas os 15 mais irresistíveis para você.

Pare de ficar passando vontade e veja com seus próprios olhos!

1. Inverno

Guirlandas, pinheiros, Papai Noel com casacão de pele: todo o nosso imaginário de Natal veio importado de países do hemisfério norte. Quando você ambienta tudo isso em um país onde o Natal cai no inverno, aí as coisas começam a fazer sentido!

Natal na Alemanha
Muito aconchegante, não?

2. Neve

Se tem inverno, tem neve. E se tem neve, tem boneco de neve. Se não tem inverno, não tem neve nem boneco de neve e acabou a história!

Para quem tem curiosidade de saber como é a sensação de fazer um boneco de neve, pense que é como areia de praia – só que muito gelada! Então se você já fez castelinho de areia alguma vez na vida, sabe exatamente como é fazer um boneco de neve.

Boneco de neve na Alemanha
»Hallo!«

3. Pinheirinhos

Tecnicamente, macieira, coqueiro, pé de bambu e carvalho são todas árvores, mas “a” árvore de Natal é sempre um pinheiro, já reparou nisso?

Pois bem, a Alemanha é um lugar onde os pinheiros crescem espontaneamente do chão. É aí que tudo começa a fazer muito sentido!

Aliás, a musiquinha natalina O’ Tannenbaum (Oh, pinheiro!) é de origem germânica.

Sim, você certamente conhece essa música! Talvez você só não esteja associando o título à melodia. É só escutar um pedacinho que você vai começar a cantar junto imediatamente:

O Tannenbaum, o Tannenbaum,
wie treu sind deine Blätter.
Du grünst nicht nur zur Sommerzeit,
nein auch im Winter, wenn es schneit:
O Tannenbaum, o Tannenbaum,
wie treu sind deine Blätter!

4. Comidinhas de Natal na Alemanha

É claro que todo lugar tem suas receitas especiais para essa festa, mas o clima de inverno dá um gostinho todo especial para as combinações criadas pelos alemães.

Na verdade, existem mais gostosuras natalinas germânicas do que essa listinha sem-vergonha poderia citar, então decidi destacar algumas mais imperdíveis:

5. Plätzchen

Toda criança alemã tem a memória gustativa desses biscoitinhos e já associa imediatamente ao Natal!

A bem da verdade, Plätzchen é uma palavra genérica para os diversos tipos de assados, que podem incluir pãezinhos de mel, biscoitos de gengibre, aveia etc.

[Fonte: Plätzchen.org]
Espressobaiser
[Fonte: Plätzchen.org]
[Fonte: Plätzchen.org]
Honiglebkuchen
[Fonte: Plätzchen.org]
Você se lembra da história de João e Maria?

Então, agora imagina uma casa inteira feita com esses biscoitinhos?

Admita vai, você também não iria resistir à tentação e  cairia na armadilha da bruxa 😉

6. Zimtsterne

Na verdade, os ZImtsterne são nada mais do que um tipo específico de Plätzchen.

São estrelinhas de canela assadas. Falando assim, parece muito banal, mas o sabor da canela derretendo na língua no friozinho do Natal é uma sensação indescritivelmente reconfortante!

O que é Zimtstern
[Fonte: Marburg auf den zweiten Blick]

8. Glühwein

O melhor acompanhamento para os Plätzchen é uma boa caneca de vinho quente!

Além de dar aquela esquentada no frio do Natal, ainda realça o sabor da canela e do açúcar dos biscoitinhos.

Sair com os amigos para ir beber Glühwein nos Weihnachtsmärkte (feirinhas de Natal) é também um programa bem típico nos dezembros germânicos!

Vamos combinar: dá água na boca só de olhar, né?

Glühwein na Alemanha
Fonte: Stuttgart Citizen

9. Feuerzangenbowle

Esse palavrão estranho é o nome de uma bebida bem típica do Natal alemão.

Basicamente, ela é preparada com um torrão de açúcar embebido em rum e derretido em um vinho temperado com frutas – aliás, também conhecido aqui entre nós como quentão!

Vamos combinar: o sabor não é exatamente a mesma coisa, mas já dá uma boa referência gustativa para quem nunca pode experimentar.

O que é Feuerzangenbowle

Em Tübingen, há o festival do Feuerzangenbowle, em que eles preparam quantidades coletivas da bebida enquanto exibem em praça pública o filme que tem o mesmo nome.

Não está acreditando?

Então confere lá esse vídeo:

10. Adventskalender

Por conta do seu histórico religioso, a Alemanha adotou o costume de festejar o advento – que nada mais é do que os dias de Dezembro que antecedem o Natal.

O Adventskalender é um calendário que marca esses 24 dias.

Em cada um, há uma portinhola que esconde um pequeno presente – em geral um chocolate, um doce, um brinquedinho entre outras lembranças menores.

Hoje em dia, já existem umas versões mais modernas do Adventskalender, mas a tradição continua a mesma.

O que é o Adventskalender
[Fonte: Home decorations]

11. Weihnachtsmarkt

As feirinhas de natal alemãs são a grande sensação dessa época!

As barracas expostas ao ar livre com decoração típica, luzinhas piscantes no escuro da noite às cinco da tarde: é impossível não se sentir aconchegado.

É lá onde se podem encontrar produtos artesanais, enfeites de natal e as comidas típicas.

Por não ter a “cultura shopping center” que reina aqui no Brasil, os Weihnachtsmärkte são uma ótima opção para comprar presentes ou apenas dar um passeio e tomar um Glüwein com amigos.

Feira de natal em Kiel
Weinachtsmarkt em Kiel
[Fonte: Kiel Sailling City]
Weihnachstmarkt_Frankfurt
Weihnachtsmarkt em Frankfurt
[Fonte: Frankfurt Tourismus]
 

feira de natal em Leipzig
Weihnachtsmarkt em Leipzig
[Fonte: foto de Uwe Letzel em Leipzig-Sachsen.de]

12. Cogumelos e porcos

Nesses mesmos Weihnachtsmärkte, é possível comprar enfeitinhos artesanais decorativos, muitos deles em forma de porcos e cogumelos.

Eles são símbolos de sorte no imaginário popular alemão.

Por conta disso, é bem comum dar cartões de natal e miniaturas de cogumelos e porcos nessa época do ano.

Curioso, não?

[Fonte: arquivo pessoal]
[Fonte: arquivo pessoal]

13. Basteln

Os enfeites artesanais dão um tom mais íntimo para o Natal na Alemanha.

Particularmente, acho fantásticas as peças trabalhadas em madeira! É impossível ignorar o capricho e a habilidade manual colocados ali.

Só para ficar com alguns, decidi mostrar esses bonequinhos esculpidos na região do Erzgebirge, na parte leste da Alemanha.

Erzgebirge
Carpinteiros ainda mantém a tradição na serra do Erzgebirge
[Fonte: Erzgebirge.de]
Tenho a impressão de que, por ter maioria religiosa protestante, as referências visuais natalinas na Alemanha são bem diferente daqueles que conhecemos aqui no Brasil.

[Fonte: Frankfurt Tourismus]
[Fonte: Frankfurt Tourismus]
O que é um Fensterbild
Luminária de parede talhada em madeira
[Fonte: Webshop Erzgebirge]

14. Feriado estendido

Para quem ainda continua achando que todo o problema do Brasil é “excesso de feriado”, é bom saber que o dia 26 de Dezembro também é feriado de Natal na Alemanha.

Sim, são dois dias de Natal e ninguém trabalha em nenhum dos dois.

Legal, né?

Não está acreditando?

Então dá uma olhada nessa tabela de feriados oficiais da Alemanha e tu encontrará “Primeiro Dia de Natal” e “Segundo Dia de Natal”!

15. Não tem especial do Roberto Carlos

Tudo bem, vai!

Isso não é algo exatamente específico do Natal na Alemanha, mas não dava para fechar essa lista de vantagens do Natal na Alemanha sem essa, né! 🙂

aprender alemão

Deixe um comentário!