Motivo #01: Apenas aprenda

Esse post é um pequeno passo para um homem – ser humano, que fique bem entendido. Mas um grande passo para você deixar de lado essa bobagem de que alemão é mais difícil do que inglês.

Já que estamos começando do zero absoluto, nada melhor do que pegar as coisas bem do começo. E o mais primário dos motivos que consegui pensar sozinho é: apenas aprenda.

Pode parecer banal e primário, mas quando o assunto é aprender línguas estrangeiras, muitas pessoas ignoram esse passo inicial por um motivo muito estranho – pelo menos para mim.

Ainda não descobri o porquê disso, mas as pessoas tendem a achar que aprender uma língua estrangeira é mais difícil do que aprender outras habilidades. Sinceramente, tenho muita curiosidade de saber o motivo.

Não tenho muita ideia do que possa ser, mas suspeito que esteja relacionado com o mito – também bem frequente – de que pessoas que falam muitas línguas são mais inteligentes.

Essas duas ideias são tão enraizadas no imaginário das pessoas que é muito difícil provar que elas são mais concepções do que fatos concretos.

Tudo se aprende

Durante a vida cotidiana, somos quase obrigados a aprender uma porção de habilidades novas. Dirigir, andar de bicicleta, declarar imposto de renda, tocar instrumentos musicais, escrever, planejar cronogramas, cozinhar, nadar, praticar yoga, lidar com pessoas.

E, inclusive, aprender idiomas estrangeiros.

Não existem motivos bons para acreditar que aprender idiomas – e no nosso caso o alemão – seja especialmente mais difícil do que todas as demais habilidades.

Pode ser que um psicólogo ou neurologista venha me contradizer. De todo modo, não acho que seja uma boa ideia partir do princípio de que aprender alemão é mais difícil do que qualquer outra coisa que você também já aprendeu.

Aprender sempre

No dia de hoje, tarefas corriqueiras como escrever ou calcular uma subtração podem te parecer banais. Mas tente se lembrar quando você era criança e estava aprendendo a fazer essas coisas. Elas também eram difíceis! O ponto é que agora você já domina tão bem essas funções a ponto de ter esquecido quanto trabalho deu para internalizá-las.

Agora tente mentalizar o passado próximo da sua vida e responda:

Qual foi a última vez que você aprendeu a escrever em um alfabeto diferente? Qual foi a última vez que você aprendeu um esporte ou jogo totalmente novo? Qual foi a última vez que você aprendeu a tocar um instrumento musical totalmente novo?

Se você não sabe responder nenhuma dessas questões, então preste atenção. Provavelmente, você está desacostumado a aprender coisas [de fato] novas e esqueceu a sensação de encarar de frente o desafio.

Essa situação é bem mais frequente do que gostaríamos que fosse. Em boa parte dos casos, aprendemos e dominamos um conjunto limitado de habilidades, suficiente para sustentarmos uma vida profissional e pessoal estável. Expandir o repertório para além desses limites exige uma dose extra de disposição que – para ser sincero – nem todo mundo tem. Ouse!

Todo mundo foi neném

O fato é que todos nós nascemos pelados, carecas e desdentados. Eu. Você. Todos nós.

Por um bom tempo, não conseguimos sequer ficar sentados. Ainda demora um pouco mais para falarmos as primeiras palavras. Mais ainda para aprender a tomar banho sozinho, amarrar o tênis, olhar as horas no relógio, ler e escrever.

Aprender alemão pode ser difícil. Mas não é mais difícil do que aprender a tocar piano, por exemplo. Ou montar um site. Ou cozinhar um prato novo. Enfim, complete a lista com aquele talento que você tem e nem se lembrava de que não é algo natural para todo mundo.

Dica de filme: ‘O enigma de Kaspar Hauser’

Para finalizar, recomendo assistir o filme ‘O enigma de Kaspar Hauser’.

Aliás, esse é um filme alemão com título original Jeder für sich und Gott gegen alle, do cineasta Werner Herzog.

Kaspar Hauser é um garoto que viveu enclausurado desde seu nascimento. Depois de ser libertado, Kaspar precisa aprender absolutamente tudo do zero – comer usando talheres, falar, calçar os sapatos e até mesmo ficar em pé. Tudo.

O filme pode ser meio longo, mas vale muito a pena. Além da ótima chance de conhecer um clássico do cinema alemão com legendas em português, também vale pela mensagem forte para aqueles momentos em que você se achar velho demais e incapaz de aprender algo novo.

Assista e depois volte para me contar o que achou 😉

aprender alemão

0 comentários a “Motivo #01: Apenas aprenda”

Deixe um comentário!